Caminhada sonora em Porto Alegre

Como choveu na celebração do Dia Mundial da Escuta 2014 em Porto Alegre, semana passada, estamos cumprindo o que prometemos: retomar a Caminhada Sonora daquele dia. Agora com o céu limpo desta sexta-feira, dia 25 de julho. A previsão é excelente: uma magnífica tarde de inverno.

Encontraremo-nos diante do Theatro São Pedro às 14 horas e terminaremos à beira do Guaíba, na estação hidroviária. Não sem antes passarmos por altos e baixos. Confira o percurso:

• Theatro São Pedro
• Viaduto Otávio Rocha
• Esquina Democrática
• Largo Glênio Peres
• Mercado Público
• Acessos subterrâneos Trensurb e CatSul
• Estação de embarque do catamarã Porto Alegre-Guaíba*

(* Sugere-se finalizar a atividade seguindo em travessia pelo Guaíba. Valor ida e volta: R$ 14,70. Intervalo estimado: 1h.)

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Soundwalking: algumas dicas de Hildegard Westerkamp!

“Uma caminhada sonora é qualquer excursão cujo principal propósito é escutar o ambiente. É expor nossos ouvidos a cada som ao nosso redor, não interessa onde estejamos. Podemos estar em casa, podemos estar atravessando uma rua no centro da cidade, por um parque, ao longo da praia; podemos estar sentados no consultório médico, no saguão de um hotel, num banco; podemos estar fazendo compras em um supermercado, numa loja de departamentos, ou num mercadinho chinês; podemos estar no aeroporto, na estação de trem, no ponto de ônibus. Por onde formos, daremos aos nossos ouvidos prioridade.”

“Nossa primeira caminhada sonora é, assim, expor propositadamente ouvintes ao total conteúdo da composição de seu meio ambiente, e é, portanto, muito analítica.”

Hildegard Westerkamp - Foto: Peter Grant
Hildegard Westerkamp – Foto: Peter Grant

“Uma caminhada sonora pode ser projetada de várias diferentes maneiras. Ela pode ser feita sozinho ou com um amigo (no último caso, a experiência de escuta é mais intensa e pode ser bastante divertida quando uma das pessoas usa uma venda nos olhos e é guiada pela outra). Também pode ser feita em pequenos grupos, caso em que é sempre interessante explorar a interação entre a escuta de grupo e a escuta individual, alternando entre andar a distância e caminhar bem no meio do grupo. Uma caminhada sonora pode ainda cobrir uma grande área ou pode apenas se centrar em torno de um lugar em particular. Não importa a forma que a caminhada sonora toma, seu foco é redescobrir e reativar nosso sentido de escutar.” (Fonte: “Soundwalking”)

Aproveitando para fazer gravação de campo

Alguns de nós levaremos gravadores de áudio, smartphones com aplicativos de gravação e câmeras fotográficas e/ou de vídeo, mas o essencial é caminhar conscientes do som ao redor.

Confirme presença no evento pelo Facebook.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s